GRÃO DE MALÍCIA

A minha foto
Miramar, Norte, Portugal
GRÃO DE MALÍCIA … poemas escritos de desejos e divagações... onde está a poetisa... que vai escrever os poemas memórias de sentidos tidos… onde está a poetisa...que escreve poemas, nua ao pé da cama, que os interrompe para beber inspiração? … sou apenas quem está mesmo por detrás de ti... com a boca colada ao teu ouvido, segredando-te pequenas coisas que tu sentes...de olhos fechados. ana barbara sanantonio

terça-feira, 21 de outubro de 2014

BRINDE AO TEU SENTIR

O silêncio vindima cachos de sentidos
Tenho a pele seiva ardente por beber
Vinha de suor nos teus lábios bebidos
Beijos de gozo liquido casta de prazer

Desejos humedecidos no ventre quente
Dois cálices teus olhos uvas tão maduras
Duas mãos descendo na pele doce quente
Delirios tua boca fazendo tantas loucuras

Brindo ao teu sentir sem me conheceres
Quero ser néctar escorrido de excitação
Vindimado de sedução vontade e prazeres

Vinho do teu corpo por beber e por sentir
Uva doce entre as pernas dócil terno tesão
Que temporal algum poderá em nós proibir
...

musa