GRÃO DE MALÍCIA

A minha foto
Miramar, Norte, Portugal
GRÃO DE MALÍCIA … poemas escritos de desejos e divagações... onde está a poetisa... que vai escrever os poemas memórias de sentidos tidos… onde está a poetisa...que escreve poemas, nua ao pé da cama, que os interrompe para beber inspiração? … sou apenas quem está mesmo por detrás de ti... com a boca colada ao teu ouvido, segredando-te pequenas coisas que tu sentes...de olhos fechados. ana barbara sanantonio

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

CONFISSÃO

Hoje tive-te como te pedi
... se me queres vem buscar-me
ao teu pedido acedi
para nos teus braços entregar-me


chegaste no dia enunciado
em temporal acontecido
desejo emancipado
querer consumido


chamas-me minha deusa
em fios de saliva
desafias
altiva
musa
devoro-me
em poesias
de ti


acedi aos teus apelos
rendida ao teu cheiro
afagando teus cabelos
dou-me a ti por inteiro


nos teus olhos fervores
nas luas pupilas anseios
cheiro na pele de flores
acendes fogo nos seios


qual verso
rendido
imerso
vencido
disperso
sentido
voejo
pedido
desejo


na ebulição perdidos
gozamos sono deliciado
no tesão resgatado
confessamos sentidos
a um deus
amado
...
musa

Sem comentários: