GRÃO DE MALÍCIA

A minha foto
Miramar, Norte, Portugal
GRÃO DE MALÍCIA … poemas escritos de desejos e divagações... onde está a poetisa... que vai escrever os poemas memórias de sentidos tidos… onde está a poetisa...que escreve poemas, nua ao pé da cama, que os interrompe para beber inspiração? … sou apenas quem está mesmo por detrás de ti... com a boca colada ao teu ouvido, segredando-te pequenas coisas que tu sentes...de olhos fechados. ana barbara sanantonio

quarta-feira, 4 de maio de 2011

PERFUME DE PARIS

Deita sobre o corpo perfume de Paris
Como quem diz
Da maciez da rosa
Pétalas de cor aveludadas
E o teu cheiro
Poemas e prosa
E o grito derradeiro
Das nossas mãos entrelaçadas
Deita sobre ele
Pétalas brancas rubras rosadas
E toda a luz de uma cidade
As cores de uma paleta
O grito de saudade
Em odores vitrificados numa roseta
E a ferida aberta
De um poema a morrer
Pelo amor que ficou por fazer
Deita sobre o meu o teu
Enrola os teus dedos
Na penumbra húmida do meu ser
E o beijo que aqueceu
Os nossos olhares e os nossos medos
Apenas quis dizer
Que a última pétala da rosa clamor
Foi luz
Perfume
Sedução
Em cheiros e cores
Voláteis odores
De tantos sabores
A ilusão de sentir numa flor
Leves seios ondulados
De ciúme
De amor
Onde apenas demora
Traição
A verter pelos olhos azulados
Onde mora
Tanta solidão
...
musa
in “Penas da alma para a mão” Papiro Editora

1 comentário:

SHIVAS disse...

Deliciosamente exicitante tudo aqui. E essa musica -huuummm.

SHIVAS-DARK